Acreditem: ainda há desinformados por aí que pensam que o nome da Capital de Santa Catarina tem algo a ver com flores ou coisas do tipo. A ideia agrada aos ouvidos incautos, mas não retrata a verdade. A cidade nasceu como vila durante o período colonial e seu nome foi arbitrariamente modificado no fim do século XIX.

Ao longo das postagens futuras, mostraremos, mais detalhadamente, em tópicos individuais, mais das raízes históricas de Florianópolis. Por enquanto, vejamos, resumidamente:

A cidade da Ilha da Magia foi fundada como um povoado, pelo bandeirante paulista Francisco Dias Velho, por muito tempo chamada de Ilha de Santa Catarina, simplesmente. Em 1675, foi elevada à categoria de Vila (algo grandioso para os povoados da época), passando, oficialmente, a ser denominada Vila de Nossa Senhora do Desterro, devido à santa padroeira de sua Igreja Matriz, hoje Catedral Metropolitana. Era, então, sede da Capitania de Santa Catharina.

Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim: marco da defesa da Ilha de Santa Catarina e centro prisional de Floriano Peixoto.

O Brasil se tornou independente como um Império e, no fim do séc. XIX, através de um golpe militar, a Maçonaria brasileira toma o poder, exila a Família Imperial e instala a doutrina iluminista-positivista no Brasil. Após Deodoro da Fonseca, assumiu em 1891 o Mal. Floriano Peixoto, que usava Desterro como depósito de prisioneiros e abatedouro oficial de opositores. Durante a Revolta Federalista, ele fuzila algumas centenas de condenados sumariamente em fortalezas, tais como a de Anhatomirim, famoso sítio arqueológico e triste arcabouço de lembranças de assassinatos.

Vitorioso e cheio de si, aceita, sem maiores cerimônias, que sua cidade-açougue tenha seu histórico nome mudado em sua homenagem. Florianópolis, a cidade de Floriano, sua propriedade e curral! Lembrança de flores? Nem mesmo de flores fúnebres! A cidade ficará para sempre marcada e envergonhada por seu nome se referir a um assassino oficial em série.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s